quarta-feira, 11 de março de 2015

No silencio ...


No silêncio que guardo
Quando partes que escondes sob os dedos
Que se prende que me deixa no corpo este calor
Da falta do teu corpo como sempre

 Maria Teresa Horta.

2 comentários:

  1. Preciosa entrada!!! Poema e imagen son muy bonitos.
    Un abrazo.

    ResponderEliminar
  2. Obrigada pela visita, e por ter gostado! Um abraço

    ResponderEliminar